[Notícias] IFTM de Ituiutaba realiza evento virtual para profissionais e amantes da área cultural

 


A pandemia de Coronavírus tem afetado diversos setores e, de acordo com o Diário Oficial da União, os profissionais da área artística e criativa são os mais atingidos. Pensando em discutir a profissão de agente cultural e repensar a forma de se produzir arte durante o período de isolamento social, o Instituto Federal do Triângulo Mineiro (IFTM) de Ituiutaba realizará o “Conversa de Bastidores: Bate-papo com produtores convidados”. O evento acontecerá virtualmente por meio da plataforma Google Meet, na próxima segunda (21) às 20h.

 

O evento contará com a participação de quatro profissionais da área cultural. Eles vão contar as experiências que tiveram no setor, além de fomentar a discussão sobre como divulgar, apoiar e fazer cultura atualmente. Será um momento para debater e pensar em novas ideias para melhorar a área profissional.

 

Esse bate-papo foi organizado por estudantes do curso de Agente Cultural do IFTM, sob coordenação da Prof.ª Dr.ª Roseli Gonçalves da Silva. O evento é gratuito e aberto para todos que tenham interesse e apreço pela área. As inscrições devem ser feitas através do link forms.gle/yXo9vwjvfS8fhcC37.

Convidados

 


Natania Borges é uma artista baiana, nascida e criada em Salvador/Ba, que desenvolve variadas linguagens artísticas. Cantora, compositora, atriz, performer, produtora cultural e mestra pela Universidade Federal de Uberlândia, Natania atualmente desenvolve seus trabalhos em Uberlândia/MG, cidade atual onde reside. Entre seus principais projetos está a música, com a banda Azenza e as colaborações com cantoras/es independentes, além de suas performances, foto performance e a produção da Zureta, um mini festival local de arte negra/LGBT independente. Como mulher Trans e negra, a artista traz para sua obra, os desafios de corpos marginalizados e subjugados nas afetividades, desenvolvimento profissional, na sexualidade, na sua ancestralidade, assim como corpos cívicos, em uma luta por liberdade, resistência e representação. Natania acredita que o artivismo é uma arma potente de transformação social e política, usando seu corpo e sua voz, para que os espaços sejam conquistados por direito.

 


Ronaldo Alves de Oliveira é licenciado em História e Pedagogia, pela FEMM de Sete Lagoas, bem como pós-graduado em Pedagogia, pela UNI de Belo Horizonte. Nascido em Cordisburgo, interior de Minas Gerais, coordena, desde o ano de 1992, o Museu Casa Guimarães Rosa na mesma cidade. Lá é responsável pela administração e organização de atividades educativas e culturais, que visam divulgar a obra do autor não só aos turistas, mas à comunidade local. Adepto das artes plásticas, Ronaldo faz uso do papel machê e expressa-se também através da fotografia.

 


Rubia Bernasci tem formação, performance e experiência em cinemas e artes. Graduada em Teatro, Pós-Graduada em Artes Cênicas, mestre em Artes cênicas. Dedica sua vida e carreira a expressar a vida dos corpos pretos, femininos e LGBTQ desde 2016. Possui em seu portfólio registros de filmes experimentais, curta-metragem com estreia na França (Considerado polo e vanguarda de cinema), além de constar em seu currículo diversas honras como jurada e curadora de expressões artísticas. 

 


Paulo Eduardo atualmente é produtor do músico Djonga, grande nome do cenário rap nacional. Grande amante da literatura, “Paulão”, como é chamado carinhosamente, encontra as ruas da grande BH como um espaço de ocupação, de exercício de expressão e arte e se questiona sobre a cena cultural da florescente cidade.




My Instagram

Copyright © Desconexão Leitura. Designed by OddThemes