[Náufragos do Sofá]: Crítica: I Am Not Okay With This - 1º Temporada



Fala, Desconexão! Hoje vamos falar de “I am Not Okay With This”, nova série da Netflix baseada na história em quadrinhos de Charles Forsman, com muito drama adolescente. Temos no papel da protagonista Sophia Lillis, que esteve nos dois capítulos de “It” e no atual “Maria e João – O Conto das Bruxas”, experiência importante para esse novo trabalho.


A série conta sobre uma menina psicologicamente transtornada por um trauma recente de perda. Vivendo sua vida difícil e solitária, com problemas em casa com a mãe, com a melhor amiga que se afastou e a saudade do pai, Sydney, mesmo com as terapias, sente dificuldades para controlar seus sentimentos, que acabam explodindo de formas estranhas.

Ao perceber que tem envolvimento com alguns acontecimentos bizarros, a garota descobre seus possíveis poderes que, na verdade, foram herdados. Na tentativa de entender isso, Syd descobre um passado desconhecido e tenta lutar contra isso com ajuda de seu vizinho esquisito. Mas, as coisas acabam saindo do controle e resultando em catástrofe.

A série é bem curta, tem apenas 7 episódios com cerca de 20 minutos cada. As cenas são intensas, com bastante violência física e verbal, mostrando NÃO ser uma série família. Entrando em teorias, o drama toca bastante na importância do tratamento de doenças psicológicas, usando os poderes da personagem como referência pra um mal maior. Aliás, se isso for um gatilho pra você, é melhor manter distância.

     

O uso da narração constante em primeira pessoa e vários flashbacks de memórias dela faz parecer que estamos lendo o livro e sentindo tudo junto à personagem. O roteiro é bem explicativo e tem bastante do conteúdo apesar de ser uma série tão curta, então não fica parecendo algo às pressas. As cenas se mostram bastante explícitas e trazem o gosto mais profundo do suspense tão amado.

“I Am Not Okay With This” está disponível desde fevereiro na Netflix. O final da primeira temporada dá um gancho para uma possível continuação, mas a plataforma ainda não confirmou nada, já que ainda está bem recente e precisa-se medir o sucesso que a obra vai fazer. Se você já assistiu, comenta aqui se concorda ou discorda de algo. Eu tô de boas com isso!

Bia Oliveira

My Instagram

Copyright © Desconexão Leitura. Designed by OddThemes