[Crítica Musical] Track-by-Track: 'Ouro' de Vitão


Hey, Desconexão Leitura! Eu sou João Victor e hoje apresento a vocês esta crítica faixa por faixa do novo álbum do Vitão, chamado: ‘Ouro’. Boa leitura a todos!






1 -    Um Pouco de Você

A letra inicial disserta sobre um pedido de Vitão para a pessoa amada se doar um pouco e permitir conhece-lo para rolar um lance. A sonoridade permeia com o violão e baixo de base com sons de trap, mas trazendo instrumentos de sopro, que é uma característica explorada pelo R&B. a linha melódica conversa veemente com a melodia e sonoridades impostas em cada parte da música e isso me faz pensar que mesmo que seus tons vocais não nos mostre alguma novidade, a melodia e a batida fazem isso de uma forma limpa e orgânica.



2-    Tratamento Perfeito

Nesta faixa temos uma afirmativa de Vitão já ter conquistado a pessoa que almeja, e de novo pedindo para dar mais um passo nesse lance dos dois. Essa música já acumula mais características do R&B como a guitarra e seus solinhos, além das batidas mais orgânicas que me lembram de um pandeiro e a voz de Hodari – que é a participação especial da faixa – que combina muito com a proposta da canção por ser uma voz grave e rouca, e centraliza a voz de Vitão muitas vezes. Gosto da incorporação de instrumentos e batidas provenientes de outros gêneros musicais também.


3-    Maturidade

Nesta, o cantor expressa sua vontade de ficar com a garota, que por sua vez, o chama de imaturo e afirma ter muitos na disputa. A menina é interpretada por Day que fez grande diferença na canção e tornou esse dialeto de historinha de amor mais verídico e sensual. A faixa é um fatídico R&B com elementos do Rap do Trap, me remete a Talk do Khalid em alguns momentos. A junção do modo como a canção é entoada com a combinação do R&B ficou perfeita e é sem dúvida uma das melhores canções do CD.


4-   Calma

“Calma” é a faixa em que Vitão se declara para o ‘mozão’, reiterando que aquela menina só o traz calma e boas vibrações.  A sonoridade da faixa é lúdica e sexual, trazendo a cuíca que é um dos principais instrumentos do samba, além da guitarra aflorada e bem desenvolvida na poposta imposta. O que me marcou nesta canção é um áudio do cantor no final muito fofo pedindo pra pessoa ficar com ele.



5-  Saudade

Nessa música o intérprete relembra um pouco de sua história com a amada, diz que tá com saudade e quer ter mais momentos com ela. Voltamos a good vibe de Vitão do começo do álbum, porém com elementos do reggae por conta do feat. Que é ninguém menos que Rael. Eu amei o modo como os dois uniram seus ritmos e como isso casou perfeitamente.


6-    Romeu e Julieta

          Creio que esta faixa disserta sobre um casal que está indeciso sobre ficar junto ou não, a letra não deixa muito explícito sobre o que se trata porém deixa claro que eles ainda se amam bastante. A faixa conta com uma base de violão e leves salpicadas de baixo. Vitão aqui se torna menos cantor e mais intérprete e ator  de uma forma mais íntima que eu jamais o imaginaria fazendo.

7-    7 Chamadas

Finalmente chegamos na minha faixa preferida! “7 chamadas” é sobre chamar a amada pro rolê e fazer a noite ser mais que especial. Pasmem como eu, temos aqui batidas de reggaetón, uma vibe R&B mínima, além de uma batida bem tropical house em determinados momentos da música e isto se deve também a parceria internacional hispânica com Feid. Eu amo essa faixa por ela ser dançante e sair totalmente da caixinha do CD. Parabéns a todos os envolvidos.

8-    Mais Tarde

Na canção, Vitão fala  sobre chegar em casa mais tarde mas mesmo assim querer curtir um momento com a amada. A faixa é uma mistura de MPB com Pagode e Pop também. Achei diferente mas sinto que o pagode poderia transparecer mais na música.


9-    Complicado

A música fala sobre quando o relacionamento se torna complicado porém ambos ainda se gostam e querem ficar juntos. A faixa é um feat. Com Anitta e logo, se torna mais pop na construção melódica, que eu gosto bastante, porém o tom na parte solo de Anitta está muito alto para sua voz e incomoda os ouvidos. A música não traz algo muito novo e creio que poderia ser descsrtada do álbum.

10- Alô

“Alô” fecha o disco com uma música que supostamente fala sobre o recente término de uma relação e a saudade que bate nesse momento. Como uma cartada final, a música consegue misturar vários ritmos empregados em todo o CD numa vibe pop bem gostosinha, as batidas conversam com a vibe acústica  orgânica do dono da faixa. Amei a junção de Gaab e Luccas Carlos que tem ritmos parecidos e suas três vozes fazem uma sintonia única.








‘Ouro’ é um CD que disserta sobre todas as fases de um relacionamento, tanto as boas, quanto as ruins, se diversificando instrumentalmente a cada faixa para mostrar não só as facetas do trabalho do cantor mas também que todas as fases de uma relação tem seu ritmo, seus instrumentos e suas emoções quando as sente. Creio que este disco se chama ouro por mostrar que a partir de um metal bruto, fazemos uma joia cara e linda, e mesmo que esta não sirva mais ainda tem muito valor, como todo relacionamento amoroso.



 Texto: João Victor Carneiro

Compositor, escritor e técnico de negócios
Instagram: @joaoo.victtor13

ACESSE TAMBÉM NOSSAS REDES SOCIAIS















My Instagram

Copyright © Desconexão Leitura. Designed by OddThemes