[Críticas] Encontros





Enquanto a Mélanie (Ana Girardot),  uma mulher de 30 anos que não mede esforços par fazer o uso da tal ferramenta, mas não tendo o mesmo interesse Rémi (François civil) vive uma vida simples, onde trabalhar em uma empresa de telecomunicações e busca ao longo da sua vida ter uma boa convivência com seus pais e os seus amigos. Ele sofreu por um trauma na sua infância ao qual desencadeou problemas sérios, como a insônia constante. O filme aborda tanto a Melanie e o Rémi em processo de tratamento por especialistas e enfrentam ao longo da história grandes desafios. 

Em um período onde os relacionamentos estão cada vez mais tecnológicos e mornos o filme ‘’Encontros’’ aborta o universo de duas pessoas cheia de singularidades e ao mesmo tão parecida, que acabam se conectando de diversas formas no fluxo do filme. O filme supera a ideia de um filme clichê de romance comédia, pois aborda problemas sérios ao qual a atualidade enfrenta sobre problemas psicológicos, como: depressão, ansiedade e insônia, ao qual é infelizmente cada vez mais sendo comum entre as pessoas no século XXI.

O mais divertido do filme é que eles são vizinhos e em várias partes do filme eles se esbarram nas cenas mais não se veem e o Diretor (Cédric Klapisch) do filme brinca com essa ideia de inconstância e com o tal ‘’destino’’ que vai sendo desenvolvido o filme como um quebra-cabeça onde o filme evidencia os momentos da vida de Melânie e Rémi antes deles se conhecerem e como eles superam o drama das cicatrizes geradas pelo passado.

 O filme é bem construído e com músicas e o enredo bem poético que te faz desde de rir até chorar com as cenas ao longo do filme, é realmente um daqueles filmes que te faz refletir sobre algumas decisões que tomando na vida e sobre o sentido da felicidade, trás de uma forma sensível e poético em relação aos acasos e de como a vida é cheia de altos e baixos. Às vezes, o amor da sua vida pode estar mais perto do que imaginamos. Então por isso, recomendo esse filme para todos os as pessoas que estão precisam de um momento para se emocionar e refletir sobre a vida as decisões que nos levam a toma-las e principalmente sobre o tão famoso: Amor.

SINOPSE E DETALHES
Não recomendado para menores de 12 anos
Rémi (François Civil) e Mélanie (Ana Girardot) têm em torno de 30 anos e, apesar de morarem em prédios um ao lado do outro, não se conhecem. Ambos estão solteiros e enfrentam problemas pessoais: ele, devido à demissão de praticamente todos de seu antigo trabalho enquanto foi promovido para outro setor, ela sem conseguir superar o término de um longo relacionamento, cujo fim já tem um ano. Cada um à sua maneira, os dois buscam meios de lidar com o momento depressivo através das redes sociais: ele pelo Facebook, ela através do Tinder.
Data de lançamento 3 de outubro de 2019 (1h 50min)
Direção: Cédric Klapisch
Gêneros DramaComédia
Nacionalidade França


LARISSA CARVALHO OLIVEIRA
Resenhista, Produtora de marketing do site
(Insta: larissacarv4)


My Instagram

Copyright © Desconexão Leitura. Designed by OddThemes