[TEATRO] TROPICALINHA




O espetáculo é uma linda aventura, onde os amigos Cae e Gil se encontram e se dedicam a trazer de volta a música, as cores e a alegria ao reino de Pindorama, governado por uma rainha tirana e mal-humorada.
Trazendo cenário e figurinos impecáveis, os atores em cena, enchem o palco com cores e ritmos coreografados, apresentando toda a musicalidade da parceria historicamente bem sucedida entre Caetano Veloso e Gilberto Gil, de maneira lúdica e agradável.
Como em grande parte dos contos infantis, Tropicalhinha tem final feliz, porém, toma partido da ludicidade e das cores para tecer críticas sociais sobre o regime autoritário que a rainha adota, demonstrando um misto de deboche e seriedade acerca de temáticas polêmicas.
As músicas, minunciosamente escolhidas para contribuir com a narrativa, apresentam sempre proximidade com o diálogo corrente e além das letras que possibilitam reflexões diversas durante as passagens de cena, o ritmo vibrante levanta a plateia permitindo uma interação fantástica entre público e elenco, como se fosse realmente um grande show musical.
Diálogos bem elaborados, elenco demonstrando sintonia entre si e empatia com os espectadores, somados à metáfora cênica que demonstra o uso da música como mecanismo de libertação, superação e transformação de vida, são o recado principal trazido por essa produção que agrada adultos e crianças.
A moral final da história é também um elemento importantíssimo, pois que o público infantil está em fase de formação de personalidade e caráter, tem a possibilidade de se deparar com uma situação onde o mal é desmascarado e o bem, prevalece. Dentro do bem, estão representados a música, a amizade, a humildade, generosidade, bondade e outros elementos que se apresentam de maneira positiva.

FICHA TÉCNICA:


Direção: Diego Morais
Direção Musical: Guilherme Borges
Texto: Pedro Henrique Lopes
Elenco: Pedro Henrique Lopes, Orlando Caldeira, Martina Blink, Sergio Somene, Flora Menezes e Hamilton Dias.
Cenário e figurinos: Clívia Cohen
Iluminação: Tiago e Fernanda Mantovani
Visagismo: Vitor Martinez
Produção e realização: Entre Entretenimento

SERVIÇO:

Tropicalinha – Caetano e Gil para Crianças
Temporada: De 23 de março a 28 de abril
Teatro Clara Nunes (Shopping da Gávea) – Rua Marques de São Vicente, 52 – 3º andar – Gávea – Rio de Janeiro – RJ.
Telefone: (21) 2274-9696
Dias e horários: Sábados e domingos, às 16h
Ingressos: R$ 70 e R$ 35 (meia-entrada)
Lotação: 743 pessoas
Duração: 60 minutos
Classificação: Livre
Funcionamento da Bilheteria: Todos os dias, de 13h às 21h.





Alessandra Cardoso
Atriz e Produtora Cultural


ACESSE TAMBÉM NOSSAS REDES SOCIAIS



My Instagram

Copyright © Desconexão Leitura. Designed by OddThemes