18/02/2015

Resenha - Julieta Imortal


Titulo Original: Juliet Immortal
Titulo Traduzido: Julieta Imortal
Autor: Stace Jay
Traduzido por: 
Editora: Novo Conceito
Páginas: 237
Sinopse: Julieta Capuleto não tirou a própria vida. Ela foi assassinada pela pessoa em quem mais confiava seu marido, Romeu Montecchio, que fez o sacrifício para assegurar sua imortalidade. Mas Romeu não imaginou que Julieta também teria vida eterna e se tornaria uma agente dos Embaixadores da Luz.
  Por setecentos anos, Julieta lutou para preservar o amor e as vidas de inocentes, enquanto Romeu tinha por fim destruir o coração humano.
  Mas agora que Julieta encontrou seu amor proibido, Romeu fará de tudo que estiver ao seu alcance para destruir a felicidade dela. 

   Um dos romances mais famosos de William Shakespeare, Romeu e Julieta, acabam de chegar com uma nova roupagem. Com elementos sobrenaturais e um enredo surpreendente, você vai conhecer um novo lado da estória de amor de Romeu e sua Julieta.
   
   No livro "Julieta Imortal" conhecemos a história desse casal de um jeito diferente. O Romeu apaixonado que todos nós conhecemos um dia, não passa de um assassino que ilude Julieta ao cometer suicídio para obter a imortalidade através de sua morte. Julieta inseparavelmente recebe a ajuda de uma enfermeira "embaixadora da luz" que acaba lhe tornando uma embaixadora a fim de ajudar a almas contra a destruição daquele que um dia foi seu Romeu.

"Ela lutará pela luz e ele pela escuridão,
lutando por séculos pela doce centelha do amor.
Sempre que duas almas se amarem de verdade
vocês os encontraram,a corajosa Julieta,e Romeu o desertor"

   Julieta Imortal é um livro que conquista o leitor aos poucos,com a sua narrativa em primeira pessoa em alguns momentos transitando pela perspectiva de Romeu,o livro mostra um pouco do passado em Verona no qual Julieta era uma jovem inocente, sonhadora e apaixonada pelo seu grande amor Romeu, até os dias de hoje que Julieta habita o corpo da jovem insegura e antissocial, Ariel. No qual Julieta tem o dever de fazer Ariel redescobrir em si mesma a sua beleza e a essência da vida.

Eu não sou Ariel Dragland. Meu nome é Julieta e passei séculos entrando e saindo do corpo de pessoas diferentes, lutando pelo amor, tentando salvar almas gêmeas de Romeu, o homem que me matou”

   A estória acaba contendo alguns pontos soltos que acabam deixando o leitor um pouco perdido em algumas partes, tem uma narrativa um pouco escassa, mesmo tendo um sendo personagem que acabam dando uma mudança de foco, o livro acaba abalando um pouco a empolgação do leitor na hora da leitura.
Postar um comentário

Mais visitadas

Obrigada pela visita volte sempre!

Outras Postagens