06/07/2014

Resenha - Divergente


Titulo Original: Divergent

Titulo Traduzido: Divergente

Autora: Veronica Roth

Traduzido por: Lucas Peterson

Editora: Rocco

Gênero: Distopia,Ficção Científica,Juvenil

Páginas: 504

Sinopse:
Beatrice Prior tem 16 anos e está prestes a enfrentar o momento mais importante de sua vida, a Cerimônia de Escolha, quando decidirá à qual das cinco facções em que a sociedade é dividida irá passar o resto de seus dias: Abnegação, Amizade, Audácia, Erudição ou Franqueza. A opção significa continuar com sua família ou abandoná-la para sempre, um dilema que todos os adolescentes têm de enfrentar. Quando o teste de aptidão aponta um resultado inesperado – Divergente –, Beatrice se vê forçada a encarar uma realidade para a qual talvez não esteja preparada. Mas Tris, o nome que ela assume quando se junta à Audácia, fará de tudo para sobreviver à sua nova e violenta facção. Primeiro livro da trilogia distópica criada pela escritora estreante Veronica Roth, Divergente sacudiu o mercado da ficção para jovens adultos.








  Veronica Roth consegue com a saga divergente atrair não apenas um publico jovem mais, também o adulto pela historia Beatrice Prior. Uma adolescente vivendo o peso de sua escolhas,que acarretaram o desenrola de toda sua vida.

Na saga divergente a autora consegue incluir tanto os casos reais ,quanto a ficção.

Abordando o fato dos testes de aptidão das facções,que mais se assemelham aos teste de vestibulares.Os temores de fazer a melhor escolha e que será para toda vida,a busca pela sua identidade na sociedade.

O cair de paraquedas na vida adulta sem os pais,se aventurando no mundo e tendo que arcar com suas próprias consequências, esses são os dilemas abordados de forma criativa pela autora.
Postar um comentário

Mais visitadas

Obrigada pela visita volte sempre!

Outras Postagens